Robson Rocha, artista brasileiro da DC, morre de Covid-19 aos 41 anos

Tiago Minervino  - 12 de julho 2021 ás 13h00

O artista Robson Rocha, brasileiro contratado da DC Comics, morreu vítima de Covid-19, aos 41 anos, neste domingo (11). O ilustrador estava internado no Hospital Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte, desde junho. A informação foi confirmada pelos familiares.

Por meio de seu perfil no Twitter, Jim Lee, diretor criativo da DC, lamentou a morte do artista e se referiu ao brasileiro como “um jovem incrivelmente talentoso”.

“É com grande tristeza que compartilho a triste notícia do falecimento do artista da DC Robson Rocha. Um jovem artista incrivelmente talentoso do Brasil. Robson começou na DC há apenas 11 anos e sempre me impressionou. Minhas condolências, antes de tudo, à esposa dele e sua filha, aos muitos colegas que admiravam e respeitavam seu talento, e aos incontáveis fãs ao redor do mundo que amaram e desfrutaram de sua arte”, escreveu Jim Lee.

O escritor Neil Gaiman repostou a publicação de Jim e disse estar “muito triste” com a morte de Robson. “Meus sentimentos aos amigos dele, à família e colegas”, completou.

O jornalista Sidney Gusman também repercutiu a morte do artista.

Robson Rocha entrou para o time de ilustradores da DC Comics em 2010 e, desde 2016, produzia exclusivamente para a editora. Entre outros, ele participou da produção de séries como Demon Knights e Batman Eterno.