Naruto: descubra a história e curiosidades da famosa obra

Livia Jurkowitsch  - 07 de maio 2021 ás 13h45

Se você chegou até aqui e não conhece Naruto, calma que vamos te ajudar! Com certeza você já ouviu falar no nome desse anime e mangá, superfamoso no mundo da cultura japonesa, porém se o seu intuito é conhecer ou se aprofundar no assunto, esse é o lugar certo.

Naruto começou sua história em 1997, quando começou a ser produzido por Masashi Kishimoto. Em 1999, o mangá é lançado no Japão e, quando atingiu o volume 36, chegou a vender mais de 71 milhões de cópias. Em 2008, já havia vendido 2 milhões de cópias do volume 43. Naruto se tornou a segunda série de mangás mais bem-sucedida no país e uma das mais rentáveis do mundo. Quando chegou no ocidente, a obra só cresceu mais e mais.

Fonte: Reprodução

Naruto conta hoje com um mangá, um anime, 11 filmes e mais de 40 jogos para diversas plataformas, além de fazer participações em diversos outros títulos. Isso sem falar na continuação, Boruto, que já conta com suas próprias obras derivadas.

O anime estreou em 2002, sendo dividido em duas partes, Naruto e Naruto Shippuden. A obra trata da história de Naruto Uzumaki, um jovem que vive em um mundo onde ninjas são um pouco diferentes das concepções que temos. Esta realidade mistura fantasia com toques de um Japão antigo, onde ninjas são capazes de fazer “magias” através de uma arte chamada ninjutsu. Na primeira parte da história, acompanhamos a infância e pré-adolescência do personagem e toda sua trajetória para se tornar um ninja, parte de seu grande sonho de tornar-se Hokage, o líder da vila em que ele vive. Já a segunda parte trata de sua adolescência, conflitos entre outras vilas e sua jornada para salvar o mundo.

Naruto é uma ótima forma de aprender de forma superficial, um pouco sobre a mitologia do Japão. O anime/mangá também trata de questões superimportantes como amizade, autossuperação e a perseguição de sonhos. Apesar de ser muito relacionado ao público infantil, por ser uma animação, a obra trata de questões muito reflexivas e adultas.

Fonte: Reprodução

Por trás da obra

Agora que você já conhece um pouco sobre Naruto, aqui vão algumas curiosidades para que você possa se preparar para maratonar a série.

Tanto em português, quanto em japonês, Naruto é dublado por mulheres. Sim, é muito comum, no Japão, que os personagens principais de animes sejam interpretados por mulheres, e, quando chegou ao Brasil, a dublagem manteve essa tradição. Quem deu a voz ao ninja por aqui foi Úrsula Bezerra, que inclusive recebeu um prêmio pela sua performance.

Fonte: Reprodução

Se você é um amante da culinária japonesa, sabe que “naruto” é aquela rodelinha de peixe, branca e rosa, que é bem comum vir no lámen. A ideia inicial para o personagem era que ele fosse um anime sobre culinária, uma homenagem do autor ao seu local gastronômico favorito, um restaurante de lámen chamado Ichiraku. O local ainda é bastante presente na série, mas a história mudou um pouco!

No começo, Kishimoto pensou em fazer seu personagem principal, um ser místico japonês. No japão, as raposas são consideradas seres místicos da trapaça, com a habilidade de se transformar em humanos para aplicarem golpes. Naruto seria então um desses seres mágicos, porém a ideia não foi muito longe.

As entidades Susanoo e Amaterasu, da cultura japonesa, estão presentes em Naruto. Susanoo é o deus do mar e das tormentas, e ele aparece na forma de uma técnica de proteção, do clã Uchiha, como uma armadura gigante para quem o invoca. Já a Amaterasu, a deusa do sol, e a mais importante entidade para os japoneses, está na forma de uma habilidade capaz de materializar chamas negras que queimam tudo que é visto por quem o invocou.

Fonte: Reprodução

Pronto! Agora você está oficialmente preparado para entrar no mundo e mitologia de Naruto e para entender por que esse anime, apesar de já ter 19 anos (quem aí se sentiu velho?), continua a fazer fãs pelo mundo todo e encantar desde crianças até adultos.


No Brasil, o mangá de Naruto foi publicado pela editora Panini. Já o anime está disponível no catálogo da Netflix, dublado ou legendado, e na Crunchyroll. A Piticas também conta com uma coleção da franquia, que vai desde camisetas até acessórios.