Jovem na Espanha é internado por dois meses, por vicio em Fortnite

Fernando Giovanetti  - 17 de setembro 2021 ás 17h00

O jornal espanhol La Información noticiou que um jovem local passou por uma internação de dois meses no hospital de Castellón devido a um “grave vício” em Fortnite.

Entre os sintomas da dependência, foi identificado isolamento, rejeição a interações sociais, pouco interesse em outras atividades, teimosia e persistência, além de mudar o ritmo do sono entre outras.

Após a alta, o garoto, que foi o primeiro caso clínico de vício no game, mostrou uma “diminuição significativa” no uso de celulares e outros dispositivos tecnológicos e melhoras no funcionamento pessoal e social.

Desde 2019 a Organização Mundial da Saúde (OMS) considera oficialmente o vício em videogames um distúrbio mental na Classificação Internacional de Doenças (CID).