Filho de Mauricio de Sousa defende personagem gay na Turma da Mônica

Tiago Minervino  - 17 de novembro 2021 ás 18h00

Mauro Sousa, filho do escritor Mauricio de Sousa, defendeu a inclusão de um personagem LGBTQIA+ no universo da Turma da Mônica, após a repercussão de uma declaração recente dada por seu pai, que falou sobre a possibilidade de introduzir um integrante gay para a Turma.

Em entrevista à Veja, Mauro Sousa disse que a ideia de trazer um personagem que aborde a diversidade LGBTQIA+ foi “um gesto de amor e carinho” do pai, e ressaltou que “a diversidade sempre esteve presente na Mauricio de Sousa Produções”.

Nesse sentido, embora destaque a diversidade nos personagens da Turma da Mônica, ele também enfatizou que “falta um personagem gay” na história.

Por fim, Mauro Sousa rechaçou a falsa compreensão de que abordar personagens homoafetivos poderiam influenciar na orientação sexual das crianças, pois, afirma, “a sexualidade não é influenciável”.

“Eu não virei gay. Eu nasci gay. Argumentos como esses não têm fundamento algum. Uma referência bem-feita e bem pensada sobre sexualidade e suas ramificações teria feito com que eu fosse uma criança mais feliz e tranquila”, completou.