Disney registra patente de mundo virtual que não precisa de óculos e fones

Tiago Minervino  - 07 de janeiro 2022 ás 19h30

A Walt Disney Company registrou a patente de um mundo virtual que faz uso da realidade aumentada, mas sem a necessidade de óculos, fones de ouvido ou dispositivos úteis para realizar interação com o ambiente (via Spectrum News).

Uma das maiores empresas do mundo no mercado de entretenimento, a Disney registrou o serviço em 28 de dezembro e a tecnologia poderá ser aplicada em seus parques temáticos, usado em concomitância entre o mundo real e o virtual 3D.

Ao site, o advogado Yuri Eliezer disse que “a Disney acredita que outras empresas entrarão neste espaço e, por esse motivo, eles queriam conseguir a patente primeiro”.

Já John DeStefano, consultor técnico de tecnologia, destacou a forma como a empresa poderá adicionar esse tipo de serviço em seus negócios.

“Em vez de olhar pela tela de um telefone ou fone de ouvido, a Disney desenvolveu um sistema quase semelhante a um projetor de cinema para reproduzir em uma superfície real o que os humanos veem em uma tela”, declarou.

Para projetar esses espaços virtuais, a tecnologia funciona usando um conjunto de projetores de alta velocidade somado ao método SLAM, que consegue localizar e mapear de forma simultânea a perspectiva de movimento do usuário.