DC censura cena íntima de Batman e Mulher-Gato em série de Harley Quinn

Tiago Minervino  - 15 de junho 2021 ás 18h40

A DC Comics censurou uma cena íntima entre a Mulher-Gato e Batman que estava programada para ser exibida na terceira temporada da série animada Harley Quinn, exibida na HBO Max.

A revelação foi feita pelo cocriador da série Justin Halpern, em entrevista à Variety. Segundo contou, o principal motivo pelo qual a DC vetou a cena deve-se ao fato de que ela pudesse atrapalhar a vendagem de produtos dos personagens, sob a alegação de que “heróis não fazem isso”, em relação ao momento íntimo.

“Nesta terceira temporada de Harley, tivemos um momento em que Batman satisfaz a Mulher-Gato. E a DC estava tipo ‘você não pode fazer isso; você absolutamente não pode fazer isso’. Eles ficam tipo ‘heróis não fazem isso'”, contou Halpern.

“Então, questionamos: ‘Você está dizendo que os heróis são apenas amantes egoístas?’ Eles disseram, ‘Não, é que vendemos brinquedos de heróis. É difícil vender um brinquedo se Batman também está fazendo isso com alguém’”, completou

Harley Quinn é uma série recomendada para o público maior de 18 anos. A terceira temporada da animação ainda não tem data de estreia confirmada. Vale ressaltar que no Brasil o streaming da HBO Max será disponibilizado a partir de 29 de junho.