Daniel Craig sobre uma mulher ser o novo James Bond: ‘merecem papéis melhores’

Tiago Minervino  - 23 de setembro 2021 ás 11h00

007 – Sem Tempo Para Morrer marcará a despedida do ator Daniel Craig como intérprete do icônico personagem James Bond. Desde então, muito tem se especulado sobre quem assumirá o posto do renomado espião, e muitos acreditam que o papel deveria ir para uma mulher.

Sobre seu substituto na franquia, Craig disse, em entrevista à revista Radio Times, que a indústria cinematográfica precisa criar “papéis melhores para mulheres e atores não-brancos”.

“Por que uma mulher deveria interpretar James Bond quando deveria haver um papel tão bom quanto o de James Bond, mas feito pensado para uma mulher?”, declarou o famoso, apontando a necessidade de mudanças.

James Bond se tornou um dos personagens mais icônicos da história do cinema, com mais de cinco décadas de existências em vários filmes. Desde 2006, o personagem é vivido por Daniel Craig.

Após a confirmação de que Craig não será mais o responsável por interpretar Bond, muito tem se falado sobre a possibilidade de o personagem ser vivido por um negro – os atores Idris Elba e Regé-Jean Page são especulados –, ou mesmo uma mulher.

No ano passado, os produtores da franquia 007, Barbara Broccoli e Michael g. Wilson, falaram sobre o personagem em entrevista à Variety, e disseram que o espião pode ser interpretado por atores “de qualquer etnia” desde que sejam do sexo masculino.

007 – Sem Tempo Para Morrer tem estreia prevista para 7 de outubro no Brasil.